14/01/09

Para quem não foi ver, ou já não se lembra do que viu, deixo aqui um pequeno resumo...



O mapa aqui reproduzido é um dos maiores documentos do género conhecidos em Portugal no século XVIII. Assinado por José Sande Vasconcelos, a sua realização contou com alguns ajudantes engenheiros, tendo sido executado entre 1790 e 1797 sob a ordem do Governador e Capitão-General Conde de Val de Reis.




Fragmentos de cerâmica decorativa e objectos utilitários recolhidos em recentes escavações arqueológicas fornecem informações e fundamentam a ideia de intensa actividade mercantil e portuária.





As ânforas serviam para transportar vinho, azeite, mel, molho salgado de peixe e água, bem como cereais, frutos secos, pedaços grandes de carne ou peixe macerados em salmoura e ainda ostras e outros bibalves igualmente conservados em meio saturado de sal.






As pescas e o sal foram desde sempre importantes produções para a economia tavirense do litoral. Marcaram profundamente a cidade os dois séculos de capturas intensivas do atum, a existência de "armações" e "arraiais" nos areais das ilhas e consequente estabelecimento já no início do século XX de indústrias conserveiras.



Bicheiro de mão e o copejo.


O atum está ao alcance dos braços dos pescadores que tentam golpeá-lo com os bicheiros.




video


Excelente documentário sobre a pesca tradicional do Atum no Algarve. Realizado por Helder Mendes em 1969.



Traje de Salineira

O carrego do sal à cabeça em grandes alcofas de esparto, era um trabalho essencialmente feminino e feito quase sempre em condições penosas de trabalho intensivo.


O sol intenso do Verão, o sal que corroe a pele e ainda os níveis intensos de claridade que caracterizam as áreas de salinização, criaram para a salineira uma indumentária característica.




Causa alguma perplexidade o súbito declínio das pescas, o desaparecimento das espécies já em pleno século XX, atríbuidas a razões da biologia e desequílibrios provocados nos ecossistemas oceânicos.




As âncoras na Praia do Barril ( Tavira) lembram que, em tempos, a pesca do atum era o principal sustento.

Sem comentários: